Arte e Cultura Automóveis Compre e Venda Curiosidades Economia Educação Esportes Governo
Internet Lazer e Diversão Notícias Saúde Serviços Sociedade Teens Turismo Utilidades
 

HISTÓRIA DA FLÓRIDA

 

HISTÓRIA
A história da Flórida começa em 1513, quando o explorador espanhol Ponce de León, desembarcou na região em busca da fonte da juventude. O estado continuou como território espanhol até 1821, quando a Espanha cede o território para os Estados Unidos, que viviam em clima de guerras constantes contra os povos semínolas, resistentes à colonização branca. As duas principais guerras, finalizadas em 1842, trazem muitos americanos para a Flórida. Em 1845, a Flórida se tornou o 27º estado da União.

Nesta época, Orlando era formada por grandes lagos e pinheiros, e a cidade (chamada de Jernigan, uma das primeiras famílias de colonizadores) tinha na pecuária e na agricultura seus principais focos econômicos. A cidade, que fora oficialmente reconhecida como município em 1875, ganha uma ferrovia, que faz com que Orlando seja um dos principais produtores de laranja dos Estados Unidos. Desde então, Orlando foi vitimada por uma série de desastres, iniciando com um incêndio que queimou todo o centro comercial da cidade, e alguns anos depois, baixas temperaturas, que dizimam a produção de laranjas.

A cidade tem um súbito crescimento, pois os americanos começam a se mudar para a Flórida, explodindo o mercado imobiliário. A euforia dura até 1926, quando os Estados Unidos começam a mostram sinais de recessão. Em 1929, quando o país literalmente quebrou, moscas invadiram a Flórida, e mais uma vez, são destruídas as plantações de laranjas.

Orlando foi salva pela Segunda Guerra Mundial, pois a cidade se tornou local de base dos militares, e muitas fábricas de aviões foram inauguradas neste período. O bom período continuou durante a Guerra Fria, e culminou quando, em 1955, o governo inaugurou o programa espacial em Cabo Canaveral.

Porém, o fato que realmente mudou Orlando, teve início em 1964, quando Walt Disney começou a comprar secretamente enormes terrenos na cidade, totalizando mais de 11 mil hectares. Todos pensaram que os terrenos estariam sendo comprados pelo projeto espacial, fato desmentido em 15 de novembro de 1965, o Dia D de Orlando, quando Disney anunciou a construção do maior complexo de entretenimento do mundo. Finalmente, em 1971, era inaugurado o Magic Kingdom, um projeto mais do que ambicioso que Disney não pode ver concluído (morrera em 1966), mas que abriu caminho para outros, como o Sea World (1973), Epcot Center (1982), Disney-MGM Studios (1989), Universal Studios (1990), Animal Kingdom (1998), Islands of Adventure (1999) e Discovery Cove (2000), entre diversos parques aquáticos e resorts, além de outras atrações espalhadas pela cidade.

Desde então, Orlando se tornou a cidade que mais cresceu na Flórida, e o resto todo mundo conhece. A cidade hoje é referência mundial no quesito férias, visitada por milhares de turistas de todos os cantos do mundo em busca de diversão e lazer.

INFORMAÇÕES TURÍSTICAS
No Brasil, há o Escritório de Turismo e Comércio da Flórida, em São Paulo, que pode ser contatado pelo telefone (011) 283-5167 ou 283-4741. Em Orlando, tem o Official Visitor Center, onde o visitante pode obter muitas informações turísticas como atrações, hospedagem e restaurantes, além de conseguir descontos em vários lugares. Fica na 8723 International Drive, Suite 101. O telefone é (407) 363-5872. Funciona de 8:00 as 20:00 todos os dias, exceto Natal. Para visitar o site oficial, em português, do Centro de Visitantes, clique aqui.

POPULAÇÃO
A grande Orlando possui cerca de 1,4 milhões de habitantes fixos, residentes nos condados de Orange, Osceola, Seminole e Lake. Logicamente, este número é muito flexível de acordo com a época do ano, podendo passar de 2 milhões de pessoas.

FUSO-HORÁRIO
Orlando se encontra no fuso horário do leste dos EUA, ou seja, no verão brasileiro a diferença é de -3 horas e no inverno brasileiro, -1 hora. Vale lembrar que quando é verão no Brasil é inverno em Estados Unidos e vice - versa.

CLIMA

 

JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ

MÁXIMA

21.1 22.2 24.4 27.8 30.6 31.7 32.2 32.2 31.1 27.8 24.4 22.2

MÉDIA

15.6 16.7 18.9 21.7 24.4 26.7 27.2 27.8 26.7 23.3 19.4 16.7

MÍNIMA

10.0 10.6 13.3 16.1 18.9 21.7 22.8 23.3 22.2 18.9 13.9 11.1

TRANSPORTES
Orlando é uma cidade muito nova, e toda sua estrutura de transporte fora planejada para acomodar vários veículos ao mesmo tempo. Logo, o trânsito é algo incomum na cidade. A cidade é cortada pela I-4, que leva também a Tampa e Daytona. Esta estrada leva a Walt Disney World, Sea World, International Drive, Lake Buena Vista, Church Street Station, Downtown Orlando, Winter Park, U.S. 192 e Kissimmee.

Orlando International Airport: Fica a 40 km de Walt Disney World. Tem diversas lojas (é um dos principais centros de compras de Orlando), restaurantes, um hotel Hyatt Regency e diversos quiosques com informações sobre a cidade. As grandes locadoras de automóvel dos Estados Unidos tem postos de atendimentos no local. Com um tráfego aéreo de mais de 100 vôos diários, tem sistema de transporte completo para os mais diversos pontos da cidade.

Transporte alternativo: Orlando tem diversas linhas de ônibus que levam a praticamente todos os locais da cidade, inclusive os parques. As principais empresas são a Greyhound, a Linx e a Mears (que também tem serviço de vans, mais caras, porém mais confortáveis). A empresa Orlando Lymmo oferece transporte gratuito entre a Orlando Arena e a Prefeitura. Suas 13 estações são identificadas por quiosques e as seis paradas estão indicadas por uma placa pequena. Os bondes I-Ride servem a popular International Drive, com paradas a cada 15 minutos. As 54 paradas são marcadas com "I-RIDE" em cada ponto. E para voltar aos velhos tempos do cavalo e do buggy, pode-se encontrar passeios de carruagem locais no centro de Orlando. A empresa Mears tem ônibus exclusivos às principais atrações, inclusive para as mais distantes, como Busch Gardens e Kennedy Space Center. Algumas lojas, especialmente as brasileiras, oferecem aos clientes ônibus próprios que buscam e levam no hotel. Táxis podem ser facilmente encontrados nas saídas das atrações e na porta de vários hotéis, que também podem solicitá-los.

Serviço de Trem: A empresa Amtrak tem duas estações em Orlando, uma no centro de Orlando e outra em Kissimmee, tendo como destinos as principais cidades dos Estados Unidos. A Amtrak tem pacotes para quem deseja levar seu carro, em vagões especiais. O Florida Fun Train liga Orlando ao sul da Flórida, combinando entretenimento, transporte e diversão para todas as idades.

Carro: Para o turista que pretende conhecer melhor a cidade, e viaja sem agência de turismo, uma boa pedida é o aluguel de um carro. Praticamente todas as grandes locadoras americanas tem filial em Orlando. Além de ser um meio econômico e independente, Orlando tem uma ótima estrutura rodoviária, muito bem sinalizada. Os estacionamentos dos parques são de fáceis acesso e com boa estrutura, e a quase totalidade das atrações tem estacionamento próprio.

COMPRAS
Com mais de 3,5 milhões m² de espaços para compras, Orlando é hoje o mercado de vendas à varejo que mais rapidamente cresce nos Estados Unidos, e caminha para ser um dos maiores do mundo. A variedade de lojas passa por lojas de barganha (similares as lojas nacionais de R$ 1,99), grifes conhecidas à preço de fábrica e lojas de moda refinada. As lojas de algumas marcas, como Nike e Reebok, chegam a se comparar em tamanho e variedade de produto com algumas lojas de departamento no Brasil. Os shoppings são temáticos e com grande possibilidade de escolha.

GASTRONOMIA
Também neste quesito, Orlando não deve nada a nenhuma outra cidade. Por contar com turistas de diversas partes do planeta, Orlando hoje oferece serviços de cozinha de praticamente todos os lugares do mundo, espalhados por mais de 4.000 estabelecimentos. Logicamente, a maioria deles são os tradicionais fast-foods de lanches e pizzas americanos, mas existem também restaurantes de luxo renomados. Existem também alguns restaurantes de cozinha brasileira.

ACOMODAÇÕES
Orlando tem uma das maiores concentrações hoteleiras, senão a maior, de todo o planeta. Uma das cidades mais visitadas do mundo, tem hoje aproximadamente 100.000 quartos de hotel, e com previsão de diversas outras inaugurações. As acomodações variam de resorts de luxo, hotéis e motéis econômicos (que nos Estados Unidos não tem o mesmo significado do Brasil. São somente hotéis mais simples) à acampamentos e parques com trailers.

ATRAÇÕES
Quando se pensa em Orlando, automaticamente os pensamentos pousam nos parques temáticos e atrações fantásticas. Claro que sem a instalação da Disney World na cidade, no início da década de 70, Orlando seria apenas mais uma cidade. Mas hoje ela tem mais de uma centena de atrações, que passando pelos parques temáticos, variam desde parques ecológicos, aquáticos, atrações eletrônicas, museus culturais e exóticos, mini-golfe, pistas de kart, entre muitas outras opções.

ARTES CÊNICAS
A Orlando Opera Company, o Southern Ballet, o Civic Theatre of Central Florida, o Orlando Philharmonic Orchestra, o Bob Carr Performing Arts Center e os colégios locais patrocinam montagens durante o ano todo, desde óperas famosas à espetáculos da Broadway.

CULTURA E ARTES
Muitos americanos consideram Orlando uma cidade de "plástico", argumentando que a cidade não tem cultura, tendo somente os parques temáticos. Mas Orlando tem muitas atrações culturais também, para quem deseja fugir um pouco da agitação da cidade. Destaque para a coletânea de vitrais Tiffany, a mais completa do mundo, no Charles Hosmer Morse Museum of American Art, ou toda história da arte americana dos dois últimos séculos no Orlando Museum of Art, ou a cidade vizinha de Eatonville, a mais antiga cidade afro-americana dos Estados Unidos. No Orlando Science Center, as crianças aprendem com atrações interativas.

ESPORTES
Orlando tem uma grande variedade de possibilidades para os praticantes de esportes. A cidade tem mais de 300 lagos, fontes e rios, onde se pode nadar, andar de barco, fazer esqui aquático e pescar sob o sempre bom tempo da Flórida. Nos arredores da cidade, existem 800 quadras de tênis e 125 campos de golfe, que sempre atraem atletas de renome interessados na boa qualidade dos circuitos. Entre outras atrações, possui passeio em balões de ar quente, em helicóptero, pára-quedismo, hidroaviões e aviões de caça. Passeios de cavalo e cursos de equitação, aluguel de motocicletas, patinação e corridas de cães.

Equipes: Além do Orlando Magic, time de basquete masculino conhecido mundialmente e membro na National Basketball Association (NBA), Orlando oferece treinamento profissional de baseball (Atlanta Braves e Houston Astros), a liga AA de baseball (Orlando Rays), hóquei no gelo da Internacional Hockey League - IHL (Orlando Solar Bears), futebol americano em estádio fechado (Orlando Predator), basquete feminino da WNBA (Orlando Miracle) e esporte diversos em Wide World of Sports, centro esportivo da Disney, que já vem abrigando uma etapa da Fórmula Indy.

EVENTOS ESPECIAIS
Orlando não para. Com o crescente número de turistas em buscas de novas atrações, a cidade prepara diversos eventos durante o ano. Desde diversos shows com artistas famosos, passando por festivais de rua e peças teatrais, Orlando busca satisfazer a todos os gostos e oferecer mais variedades aos visitantes em férias.

ESPAÇO DE ENCONTROS
O crescimento turístico de Orlando trouxe para a cidade amplas instalações para eventos e reuniões, de acordo com diversas necessidades. A cidade hoje recebe diversas convenções que figuram no calendário americano. O maior destes locais é o Orange County Convention Center, que figura como o terceiro maior dos Estados Unidos, com mais de 99.000 m². De tamanho menor, também há o Tupperware Convention Center e o Orlando Expo Center, além de outros espaços existentes nos hotéis.

 

VOLTAR

 

 

 

 

 

www.solbrilhando.com.br - Copyright (c) 2001 - Todos os direitos reservados - E-mail: postmaster@solbrilhando.com.br